Voltar ao topo

Alerta sobre uso de clareadores dentais

14 de Março de 2022 - Mitos e Verdades

 

Esta semana, a série Mitos e Verdades - ação de comunicação voltada a esclarecer e desmistificar temas que envolvem o funcionamento da saúde suplementar – faz um alerta sobre o uso de clareadores dentais. É fácil encontrar na internet dicas que ensinam a replicar, de forma caseira, alguns procedimentos feitos em consultório odontológico, como o clareamento dental. Mas, em alguns casos, o paciente pode colocar a saúde bucal em risco. Essa é uma avaliação que deve ser feita pelo dentista, que verifica a condição dos dentes e indica o produto mais adequado.

Uma das formas mais ágeis de acesso ao dentista é através do plano odontológico. De acordo com a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), em janeiro de 2022 o país totalizou 29,2 milhões de beneficiários de planos exclusivamente odontológicos, um aumento de 2.4 milhões de beneficiários em um ano – o que representa 9% de crescimento no período.  Só em 2020 os planos de saúde intermediaram cerca de 154 mil procedimentos odontológicos, sendo os principais deles procedimentos preventivos, raspagem, restauração consultas e exames radiográficos.

2022_03_14 Cuidado com clareadores bucal .jpg

>> Clique aqui para ver os outros mitos e verdades

 

CONTEÚDOS RELACIONADOS

© Copyright - CNseg

© Copyright - FenSeg

© Copyright - FenaPrevi

© Copyright - FenaSaúde

© Copyright - FenaCap

© Copyright - Educação em Seguros

© Copyright - Poder Público